CIM Região de Coimbra prepara cenários para Gestão de Riscos e Alterações climáticas

workshop-gestao-riscos-cim-rc01

A CIM Região de Coimbra (CIM RC) está a promover a elaboração do Plano Intermunicipal de Gestão de Riscos da Região de Coimbra (PIGR Coimbra).

Enquanto entidade intermunicipal agregadora de 19 municípios com competências nas áreas de Segurança e proteção civil, a CIM RC tem em curso a elaboração do Plano Intermunicipal de Gestão de Riscos da Região de Coimbra, elemento essencial para a capacitação institucional da CIM Região de Coimbra na gestão de riscos naturais.

Este instrumento permitirá avaliar cenários e criar condições para maior eficiência dos processos de tomada de decisão e a respetiva comunicação e articulação com os diversos agentes, organismos e decisores.

Em última análise, tal eficiência e otimização de recursos refletir-se-á na redução do impacto de acidentes graves e/ou catástrofes, quer pela redução do seu impacto direto e indireto, quer pela mais célere recuperação e restabelecimento das funções sociais e económicas quotidianas.

Esta terça-feira, como parte do processo de elaboração do PIGR Coimbra, decorreu nas instalações da CIM RC, em Coimbra, o Workshop “Planeamento e Gestão de Risco à Escala Intermunicipal”.

A sessão de abertura contou com a participação do Presidente da CIM RC, João Ataíde, do Secretário Executivo da CIM RC, Jorge Brito e de João Loureiro e Alexandre Tavares, docentes e investigadores da Universidade de Coimbra.

O Presidente da CIM RC, João Ataíde, que agradeceu a colaboração de João Loureiro e Alexandre Tavares, considera que face às “alterações climáticas profundas”, é necessário adequar a gestão de risco dos territórios “à nova realidade”, num processo em que importa incluir a vigilância e acompanhamento, entre outros, da erosão costeira, das cheias e de fogos florestais.

A participação dos autarcas e dos técnicos dos municípios, segundo João Ataíde, é fundamental na elaboração do Plano Intermunicipal de Gestão de Riscos, já que a recolha dos dados críticos permitirá um retrato fidedigno do território, estimulando, ao mesmo tempo, a colaboração entre os 19 Municípios que compõe a CIM Região de Coimbra.

O PIGR-Coimbra constituirá num instrumento de planeamento e gestão que articula diferentes esferas de atuação em governação do risco, numa lógica interdisciplinar, multinível e multisetorial.

Encontra-se focado principalmente nos objetivos de prevenção e contingência face aos riscos, numa lógica de complementaridade face aos instrumentos de planeamento de emergência de proteção civil (planos municipais e distritais).

O Plano Intermunicipal de Gestão de Riscos da Região de Coimbra atuará em estreita articulação com os PDEPC (Planos Distrital de Emergência de Proteção Civil) e os PMEPC (Planos Municipais de Emergência de Proteção Civil), não se lhes sobrepondo mas antes, complementando a diferentes intensidades de acordo com a situação e os cenários existentes em cada momento do ciclo do desastre, valorizando o planeamento da prevenção, da contingência e da recuperação.

workshop-gestao-riscos-cim-rc02